2017 foi de obras paradas, muita confusão na justiça e baixarias na cidade de Matão

O Prefeito Edinardo Esquetini foi um dos prefeitos eleitos com maior quantidade de votos na região, e tem sido uma das maiores decepções da região. O ano de 2017 foi marcado por baixarias políticas, xingamentos em redes sociais protagonizadas pelas principais autoridades do município e por obras paradas e sem rumo.

trevizanelli
JUSTIÇA – O Prefeito Edinardo Esquetini tem sido alvo de diversas denúncias na Justiça, e já foi condenado em alguns processos tais como no caso do Ex prefeito Tadeu Gimenes, e no caso de perseguição de funcionaria publica. Os processos continuam. Além disso o prefeitura enfrenta ainda processos sobre o uso de diplomas falsos e uma ação da Procuradoria Geral do Estado por lei inconstitucional. Ele é alvo da ação junto com o Presidente da Câmara.

Matão – Administração esta parada no tempo e nada fez pra resolver problemas sérios da cidade

LOTES POPULARES – O sorteio foi realizado em 2016, e o terreno já esta pago, mas o projeto sequer caminhou neste ano de 2017, e nem tem previsão de entrega.

Àrea-Sorteio1

ALAGAMENTOS Rotina em Matão, os alagamentos do São Lourenço acontece sepre quando cai uma chuva mais forte. O córrego esta todo sujo, cheio de entulho e a Prefeitura nada faz.

2b140ff2-4cf9-4ffe-99bc-5bcd844509a8

 

Ponte do São José – Interditada no começo do ano, a Prefeitura não moveu sequer uma palha pra resolver o  problema, que deixa moradores de diversos bairros isolados da cidade.

WhatsApp Image 2017-12-17 at 17.40.24

TUNEL DA LIBERDADE A obra esta paralisada e o local todo cheio de buracos, sujeira esgoto a céu aberto. Tudo isso a menos de 500 metros da Prefeitura.  Sem nenhuma previsão de normalização

WhatsApp Image 2017-12-17 at 17.37.23

SAUDE – O HBA foi a grande decepção. Pegando um prédio praticamente pronto, hoje o mesmo esta abandonado e sem uso por parte da Prefeitura. U ano depois só mato e sujeira se acumulam no local.

hba

BAIXARIAS
Xingamentos e baixarias em redes sociais fizeram parte do dia a dia da cidade. Ladrão, bandido, corno safado , FDP são alguns dos adjetivos usados para ataques, tudo protagonizado pelas mais autoridades da cidade.

Em meio a tanto escândalos, processo na justiça, e obras paradas o prefeito parece que ainda não desceu do palanque. Falação e mais falação e tudo o que a população viu até agora. Sera que 2018 vai ser diferente????